domingo, 24 de junho de 2012

PSB de Porto Alegre oficializa apoio a Manuela D´Ávila prefeita

Com o plenário da Câmara de Vereadores lotado, o Congresso Municipal do PSB de Porto Alegre realizado hoje (24) aprovou por unanimidade a aliança que terá como candidata a prefeita Manuela D´Ávila (PCdoB) e como vice Nelcir Tessaro (PSD) e homologou nominata com 57 candidatos a vereador, sendo 17 mulheres. Além da aprovação da majoritária, foram aprovadas a coligação na proporcional com o PHS. O PSC, que já está com Manuela, poderá coligar com o PSB na chapa para a Câmara Municipal. Os socialistas também aprovaram a possibilidade de fechar coligação com o PV na proporcional, caso este partido venha a apoiar a candidatura de Manuela.
O Congresso foi prestigiado por Manuela D´Ávila, pelo candidato a vice prefeito Nelcir Tessaro, pelo Secretário de Infraestrutura e Logística Beto Albuquerque, pelos deputados Miki Breier e José Stédile, pelo presidente estadual do PCdoB Adalberto Frasson, pelo vereador do PSB Airto Ferronato e pelo presidente municipal do PSB de Porto Alegre Antônio Elisandro de Oliveira.
O presidente municipal, Antônio Elisandro falou da importância do mandato do vereador Ferronato e destacou que “Este é um momento importante para nós, pois representa a continuidade de um projeto que já vem há mais de quatro anos e é um projeto no qual estamos envolvidos de cabeça, de corpo e de alma porque acreditamos nas idéias que ele representa”. O PSB tem participado desde junho do ano passado da construção da pré-candidatura de Manuela e da elaboração do projeto de governo.
Beto Albuquerque lembrou que o projeto construído junto com o PCdoB é voltado às pessoas. “Junto com Manuela faremos uma linda campanha que dialoga com cada um e cada uma em cada canto dessa cidade. Nossos adversários nessa caminhada são os problemas de Porto Alegre. Temos certeza que vamos construir juntos a vitória.”
Beto Albuquerque e Elisandro representarão o partido no dia-a-dia da coordenação de campanha da candidata Manuela. Ela disse se sentir em casa dentro do PSB. “ Andamos sobre o chão da mesma luta. O PSB é parceiro de primeira hora na busca de soluções para Porto Alegre. E nosso propósito é resolver os antigos problemas da cidade, temos essa divida com a população. Queremos projetar a Porto Alegre do futuro”, destacou Manuela ao salientar que há quatro anos atrás, quando disputou a Prefeitura os problemas eram os mesmos identificados hoje.

Créditos das fotos: Daniela Miranda
Matéria: Assessoria de Imprensa PSB/POA (Marcelo Víctor Chinazzo)


Lista de candidatos a vereador do PSB:

1. ADELINA DE FÁTIMA LEMOS DE FREITAS
2. AGNALDO MUNHOZ DE CAMARGO (MANO OXI)
3. AIRTO JOÃO FERRONATO
4. ANDRÉ LUIS SOUZA DE MOURA
5. ANGELITA PINTO DE SOUZA (PERVERSA)
6. ANTONIO CARLOS MORAES DUARTE (TINO MORAES)
7. CAREN GONÇALVES LEITE
8. CARLOS ROBERTO DE OLIVEIRA PECH
9. CASSIO SILVA MOREIRA
10. CLÉBER PRAÇA
11. COPINARÉ ACOSTA
12. DANILO ALMEIDA SPERB
13. DENISE FERRAZ DA SILVA
14. DIEGO NICKEL
15. EDISON FEIJÓ
16. ELIAS SOUZA PINHEIRO
17. ENODIR BARBOSA
18. ESTEVAM ALVES
19. GLADIS DE SOUZA COUTO
20. IARA RIBEIRO MIRAGEM
21. JAIR SILVA
22. JONI EDSON DA SILVA MACHADO
23. JORGE DA COSTA CORREA (MEIO QUILO)
24. JOSÉ NATIVIDADE COLMÃO MARTINS (MORANGUINHO)
25. JOSÉ PAULO GRACIOLI (PAULINHO DA FARMÁCIA)
26. JUAREZ FRAGA CORREA DA COSTA JUNIOR (CEL. FRAGA)
27. LEONARDO MESQUITA SORIANO
28. LILINQUIEL FAGUNDES DOS SANTOS SOUZA
29. LURDES AGATA GUICONI (LURDES DA LOMBA)
30. MAGDA VIVIANE SANTOS DA SILVA
31. MANOEL ANTÔNIO DA SILVA SANTOS
32. MARCELO FRANCISCO CHIODO
33. MARCO ANTÔNIO SANTOS DOS SANTOS
34. MARIA DE LOURDES DALLACORT ZAMPIERON
35. MARIA HELENA FRANÇA
36. MARTA DE SOUZA
37. NEI BICA JUNQUEIRA
38. NORMA GONÇALVES CADAVAL (NORMINHA DUVAL)
39. OLIVÉRIO NUNES BOLINA
40. PATRÍCIA RODRIGUES
41. PAULO ELISEO BAPTISTA DA SILVA
42. PAULO ROBERTO SOARES
43. PAULO SERGIO ALVES DOS SANTOS (PAULINHO BELÉM NOVO)
44. PAULO SERGIO DOS SANTOS (ZULÚ DA TINGA)
45. PEDRO DORNELES VIEIRA
46. PEDRO LIBONATTI MARCHIORI
47. RAFAEL RODRIGO DA SLVA CAVALHEIRO
48. ROBERTO NACHTIGALL
49. ROGÉRIO AMARAL
50. SERGIO DILNEI MOTTA HALFEN
51. SERGIO ROBERTO SOARES NEGLIA
52. STELA GODOI
53. UBIRAJARA ROCHA
54. VERA LUCIA DE SOUZA
55. VINICIUS DE ARAUJO PACHECO (FIAPO)
56. VOLNEI GAYARDO
57. ZAKEU FRAGA DOS SANTOS

quinta-feira, 21 de junho de 2012

PSB/POA realiza congresso no próximo domingo

O PSB/POA realizará no próximo domingo, dia 24 de junho, o Congresso de homologação de candidaturas com vistas às eleições municipais. Será das 9h30min ao meio dia, no Plenário Otávio Rocha da Câmara Municipal de Porto Alegre, situado na Avenida Loureiro da Silva, 255, no centro da Capital.
A programação do Congresso inclui a aprovação das coligações majoritária e proporcional; a escolha das candidaturas do partido. Às 11 horas será realizado ato político com as lideranças dos partidos coligados. Estarão presentes a deputada Manuela d´Ávila, o Vice-Governador Beto Grill, o Secretário de Infraestrutura e Logística Beto Albuquerque, deputados estaduais e federais do PSB, além dos presidentes municipais do PCdoB, PSD, PSC e PHS. Conforme o presidente municipal, Antônio Elisandro de Oliveira, o PSB de Porto Alegre tem como objetivos estratégicos para a eleição deste ano a ampliação da sua bancada de vereadores na Câmara Municipal e a eleição da deputada Manuela D’Ávila para Prefeitura da capital. “A posição do PSB é uma consequência natural das últimas eleições e da afinidade histórica que temos com o PCdoB, pelas idéias que defendemos e pelos e projetos políticos que representamos”, afirma Antônio Elisandro.
O PSB participou com Manuela no projeto Bairro a Bairro e da elaboração do programa de governo.
O partido já conta com mais de 50 candidatos a vereador(a) compondo uma chapa forte com possibilidades reais de eleger até três representantes socialistas para o parlamento da capital.
O PHS retirou a candidatura de José Francisco Mallmann e irá apoiar Manuela D´Ávila na majoritária. Na chapa proporcional, a tendência é coligar com o PSB.

Assessoria de Imprensa PSB/POA

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Ferronato diz que vai continuar sendo vereador

O pré-candidato a vice-prefeito indicado pelo PSB para compor a chapa com Manuela d´Ávila, vereador Airto Ferronato, disse hoje pela manhã que será candidato a vereador pelo seu partido.
O vereador relatou que, após muita reflexão e conversas internas durante a última semana, atende um pedido atual da direção municipal e de lideranças socialistas, que reforçaram a importância da manutenção do seu mandato legislativo. “Serei candidato a vereador para ampliarmos a presença do PSB na Câmara Municipal e construirmos uma grande bancada de apoio a nossa futura Prefeita Manuela. Para estar ao seu lado neste processo vitorioso, reafirmamos a indicação do PSD”, diz Ferronato.
O Secretário Estadual de Infraestrutura e Logística, Beto Albuquerque, em encontro recente com o vereador, disse que ele é a principal liderança do PSB em Porto Alegre, realizando um mandato comprometido com temas estratégicos para o desenvolvimento do município. “Ferronato será nosso puxador de votos, viabilizando a eleição de uma grande bancada de vereadores”, disse Beto.
Para a direção municipal do partido, o gesto reforça o compromisso dos socialistas com o futuro governo da deputada Manuela. “Estamos juntos, há tempos, empenhados na elaboração de um programa com ideias novas e gestão moderna para resolver problemas antigos da cidade. Será necessária uma presença forte no legislativo que dê sustentação a esta proposta”, reiterou o Presidente Antônio Elisandro.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Lomba do Pinheiro inaugura seu Núcleo de Base


No sábado, 16 de junho, ocorreu a inauguração da sede do Núcleo de Base da Lomba do Pinheiro, na estrada João de Oliveira Remião, 6460 na parada 15 A.
O evento contou com a presença dos deputados federais, Manuela D ´Ávila e Luiz Noé, a pré-candidata a vereadora, Lurdes da Lomba, o presidente municipal, Antônio Elisandro de Oliveira e da direção do núcleo.
“O Núcleo de Base da Lomba é a nossa principal referência de organização da base com atuação direta em vários temas da comunidade”, ressalta o presidente Elisandro.
A deputada Manuela referiu-se à Lurdes como uma mulher de luta e de superação, o que representa a forma de fazer política dos dois partidos (PSB e PCdoB). “No PSB me sinto como se estivesse no meu próprio partido”, afirma Manuela.
Noé também ressaltou as qualidades da Lurdes, referindo-se a ela como um exemplo a ser seguido por todos os socialistas gaúchos.
Lurdes Ágata agradeceu a presença de todos e garantiu apoio a deputada. “Manuela, podes contar com o Núcleo, estaremos juntos nessa luta que se inicia em breve”, finalizou.

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Quando ganhar é ser vice

Por Cássio Moreira 

No Brasil a vaga de vice sempre foi desvalorizada. Já fomos vice-campão mundial, vice-campeão na Fórmula 1, vice-campeão em bola de gude, etc. Até nos campeonatos de futebol ser vice é perder. 
A eleição de Porto Alegre será uma das mais disputadas. Quem não for para o segundo turno, e acredito que haverá, não será vice-prefeito. De um lado o atual prefeito, grande pessoa e caráter, entretanto com uma aliança cada vez mais a direita com a entrada do DEM e a confirmação do PP. De outro lado, jovem, mas já com grandes vitórias eleitorais, a deputada federal Manuela do PCdoB e seu leal aliado, o PSB, além de outros partidos como o PSD e o PSC. 
Em terceiro lugar nas pesquisas está Villaverde. O PT já esteve muitos anos na prefeitura e revolucionou a forma de governar com Olívio Dutra. Seus principais nomes, Maria do Rosário e Henrique Fontana, por motivos diversos abriram mão de concorrer. A ministra fazendo um belíssimo trabalho como Secretária de Direitos Humanos prepara-se para ser a sucessora de Tarso Genro. O segundo, por questões particulares, priorizou a família. 
Acabou sendo Villaverde. Talvez até ele não acreditasse em ser candidato e sim vice. Homem inteligente que é, veria como uma vitória ser eleito vice. Afinal, havia uma época no Brasil que os vices governavam. Lembro Café Filho, João Goulart, José Sarney e Itamar Franco, só pra citar no âmbito federal. 
O PT ficou numa encruzilhada. Se apoiasse Fortunati desagradaria seus fieis parceiros e aliados: PCdoB e PSB. Se apoiasse Manuela, desagradaria o PDT, um partido que poderá ajudar muito na reeleição em 2014, caso não tenha candidato próprio. Embora, cada vez mais, há chances de termos três candidatos competitivos: Tarso, Ana Amélia e Fortunati. 
Houve a tentativa de garantir a candidatura do PT com Raul Pont, quando setores mais a esquerda do partido tentaram viabilizar a candidatura do ex-prefeito. Contudo, com a sua desistência, Villaverde consolidou-se como candidato. Agora, para muitos do partido, ficaria complicado recuar e ser vice de alguém. 
Entretanto, perde muito espaço deixando de ser vice e apenas apoiando num segundo turno. Em segundo turno não é vice, é agregado. Agregados não têm a mesma importância do que vice. O PT empurra com a barriga um problema que poderia resolver agora. Melhor momento não há, quando Ana Amélia declara apoio a Manuela, contrariando seu partido. 
O PT sendo vice de Manuela deixa a senadora em posição difícil. Se Ana Amélia quiser manter a coerência, deverá continuar apoiando o projeto que já declara ser o melhor, mesmo tendo o PT de vice. Se não apoiar, nessas circunstâncias, perde a credibilidade e sai mais enfraquecida perante o eleitorado e seu partido. 
O PT ser vice de Fortunati é algo inviável nessa altura do jogo político, pois explode a aliança tão arduamente construída com os partidos de centro-direita. 
O PT, então, estaria mais preocupado em garantir a manutenção ou ampliação da sua bancada de vereadores em Porto Alegre, algo mais fácil de construir-se tendo um candidato forte na majoritária. Acredito que esta não seja uma boa explicação para permanecer com candidato próprio. Mas ainda pergunto, o que vale mais: uma vaga de vereador ou uma de vice-prefeito? 

Cássio Moreira é economista, doutor em Economia do Desenvolvimento (UFRGS) e professor do IFRS – Câmpus Porto Alegre. www.cassiomoreira.com.br

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Marketing Eleitoral e a Ação Socialista foram temas do seminário do PSB/RS

Marketing Eleitoral e a Ação Socialista nos mandatos foram os temas centrais do seminário estadual para pré-candidatos a vereador e vereadoras promovido pelo PSB/RS no sábado, dia 2 de junho, em Porto Alegre. O evento contou com a presença de 250 pré-candidatos de cerca de 50 municípios. O secretário de formação política do PSB gaúcho, deputado federal José Stédile, falou sobre o papel do vereador e as características do mandato socialista.  E o consultor político Bill Lara palestrou sobre marketing político na campanha eleitoral. 
O evento também contou com a presença do deputado federal Luiz Noé, dos deputados estaduais Heitor Schuch e Miki Breier, e do vereador de Porto Alegre Airto Ferronato. 
O secretário de organização, Mário Bruck,  afirmou que a meta do PSB é eleger 300 vereadores em todo o Estado, lembrando que hoje o partido conta com 125 vereadores e vereadoras. “ Esta meta não é irreal, temos crescido significativamente a cada eleição e com o trabalho fortalecido em mais cidades, o plano de se chegar aos 300 não é irreal, isso é perfeitamente possível”.
O deputado Stédile deu dicas importantes aos pré-candidatos de como proceder em suas campanhas, destacando que muitas vezes, projetos simples, mas que resolvem a vida da população, valem muito mais do que grandes programas, pois as pessoas percebem que as propostas tem viabilidade. Também salientou as bandeiras que o PSB defende e que a diferença do trabalho dos socialistas é trabalhar para quem mais precisa. “Podemos até perder a eleição. Eleição se recupera. Bandeira não”, afirmou o deputado. 
O consultor político Bill Lara apresentou as quatro etapas de uma campanha política e a importância de serem bem realizadas: pré-campanha, campanha eleitoral, propaganda eleitoral, comunicação política ou governamental. Ressaltou características de cada uma passando dicas importantes para uma campanha de sucesso. 
O deputado Miki Breier lembrou que o partido tem bons exemplos para falar, citando as prefeituras de Curitiba e BH, além dos governos PE e CE, que são os mais bem avaliados do país. No Estado, destacou as administrações de Cachoeirinha, Júlio de Castilhos e Santana do Livramento como exemplos bem-sucedidos e experiências que devem ser lembradas pelos socialistas gaúchos nesta campanha. 
O deputado Luiz Noé fez, uma fala motivadora. Disse que cada candidato precisa acreditar muito no projeto que representa. "Para convencer o eleitor, precisamos primeiro estar plenamente convencidos do nosso papel e da nossa missão na política"

O seminário ocorreu no Hotel Plaza São Rafael durante toda a manhã deste sábado. Este foi a última etapa do Seminário que nos dias 26 e 27 de maio também ocorreu em São Gabriel e Carazinho.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

PSB, PCdoB, PSD e PSC realizam encontro com pré-candidatos


Os pré-candidatos estiveram reunidos na noite de 29 de maio, no Hotel Everest, na primeira plenária de mobilização e preparação das convenções. 
"Nos orgulha mostrar o resultado de uma aliança que vem sendo pavimentada por ideias e propostas”, destacou o presidente do PSB Porto Alegre, Antônio Elisandro. Ele ainda ressaltou a importância da sintonia entre as candidaturas majoritária e proporcional. “Vocês serão os principais cabos eleitorais de nossa campanha”, afirmou Elisandro. 
O cientista político Juliano Corbellini apresentou os números da pesquisa feita pelo Instituto Methodus, que apontou uma ampliação da vantagem de Manuela na disputa pelo Paço Municipal. “Pesquisa é um retrato do momento, mas indica um potencial muito grande de vitória tanto para a Prefeitura como para a Câmara de Vereadores”. 
A convenção municipal do PSB será no dia 24 de junho e a do PCdoB ocorrerá no dia 23 de junho.

Foto: Serginho Neglia